Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2014

Acabar com o tabu do voto facultativo

Imagem
Com toda a obrigatoriedade, vemos que se dá tamanha distorção como a deste baixo comparecimento às urnas e semelhante desperdício de votos. Os números das eleições brasileiras de domingo passado mostram um dado espantoso, que é o da porcentagem da soma de abstenções e votos nulos e em branco, superior a 32%. Isto significa dizer que um terço dos eleitores alistados não votou ou inutilizou o voto. Pode-se dizer que na verdade a população esteve apenas parcialmente representada no democrático processo de escolha de quem vai governar nos próximos quatro anos. Pior ainda no Rio de Janeiro, onde tal porcentagem foi além de 40% e a soma de abstenções e votos nulos e brancos foi maior do que a votação recebida pelo governador reeleito. Este imenso desinteresse aviltou a escolha que se fez no Rio no domingo passado e constituiu em retrocesso democrático. Pregar o voto facultativo no Brasil continua sendo, para os políticos tradicionais, como defender um tabu, mas já há g

Presidente da subseção de Trindade da OAB é condenado.

Sentença cria mal-estar na OAB Os advogados Theondorley Magalhães, presidente da subseção de Trindade da Ordem dos Advogados do Brasil em Goiás (OAB-GO), e Joaquim Bastos Filho foram condenados a cinco anos e um mês de reclusão, por estelionato e uso de documento público falso. Pelos mesmos crimes, o advogado Wander Rodrigues também deve cumprir pena de cinco anos e oito meses de prisão. Todos foram condenados em regime inicialmente semiaberto. A decisão é da juíza Luciana Abrão. Eles teriam instruído, em 2012, uma ação de execução, com documentos falsos, como mostrou esta coluna em 30 de setembro de 2013. O processo levou ao bloqueio e levantamento de R$ 243 mil da conta corrente de aposentado residente no RJ, que teve os documentos pessoais falsificados e usados indevidamente. Acima e em azul notinha na coluna Direito & Justiça , do jornalista Cleomar Almeida , no jornal O Popular, edição de domingo (26 de outubro de 2014), página 8.

O trânsito nosso de todo dia que mata cachorro e quase atropela mulher e crianças.

Imagem
É possível melhorar o trânsito mas é preciso antes que a gente mude nossa conduta quando nos sentamos ao volante de carros ou pilotamos motos cada vez mais potentes. Domingo (26) à tarde, ali na chamada boca da noite, estava fazendo uma caminhada pelas ruas e avenidas de Trindade. Muita gente estava ligada no início da apuração do segundo turno das eleições 2014. Eu também, evidentemente. Exercitava-me ouvindo os boletins pelo rádio. Fazia um calor muito forte e o tempo estava abafado demais da conta. Chuva que seria bom, nadica de nada. Quando eu estava caminhando no sentido Santa Bárbara de Goiás – Trindade, ali nas proximidades das Faculdades União de Goyazes (FUG), presenciei uma cena ruim de se assistir. Um carro vinha bem rápido saindo de Trindade no sentido Santa Bárbara e um cachorro atravessava a pista de rolamento. O motorista do carro não diminuiu a velocidade e atropelou o animal, arremessado o pobre coitado contra o meio-fio. Uma série de pancadas difíceis d

O céu de brigadeiro de Marconi reeleito governador de Goiás.

Marconi Perillo iniciará seu quarto mandato de governador em condições positivas que pode se chamar de “céu de brigadeiro”. Pensando aqui comigo. Será que “no” Goiás algum outro governador chegou ao topo do comando do Governo em condições políticas assim tão favoráveis como é o caso agora da reeleição de Marconi Perillo (PSDB) para mais 4 anos de mandato, no período de 2015-2018? A impressão é a de que Marconi estará voando em “céu de brigadeiro”, salvo as possíveis mudanças climáticas que podem surgir no horizonte. Como se diz, Marconi está “com a faca e o queijo nas mãos”. A futura base de apoio parlamentar de Marconi é maioria esmagadora na Assembleia Legislativa de Goiás e igualmente na bancada goiana na Câmara dos Deputados, em Brasília. Dos 3 senadores da República goianos, somente Ronaldo Caiado (DEM) estará na oposição. A capacidade de Caiado fazer barulho é grande, todos sabem disso, mas o governador reeleito já enfrentou dificuldades bem maiores e superou relati

Eleições 2014 - Enfim, os eleitos...

Imagem
Marconi Perillo é reeleito governador de Goiás No segundo turno, governador Marconi Perillo obtém votação expressiva, conquista o quarto mandato, façanha até então inédita na política goiana. Dilma Rousseff, em eleição acirrada, bate o tucano Aécio Neves, e terá mais 4 anos como presidente da República Federativa do Brasil. Sabemos agora que Marconi Perillo (PSDB), o sorridente senhor na foto ao lado, foi reeleito para mais 4 anos de mandato como governador de Goiás. A partir do primeiro dia de janeiro de 2015, Marconi estará exercendo o cargo do chefe do poder Executivo goiano pela quarta vez. Algo inédito na história política de Goiás, vale dizer. Ninguém esteve no poder por tanto tempo assim, e sempre eleito democraticamente, como será o caso de Marco, quando concluir o novo período em dezembro de 2018. Apurada a votação neste domingo (26), do segundo turno das eleições 2014, Marconi obteve 57,44% dos votos válidos, o que deu 1.750.977 votos. Iris Rezende (PMD

Torcendo para que falar mal do outro seja coisa do passado nas campanhas eleitorais.

O debate político precisa melhor em termos de qualidade dos argumentos e meios utilizados para se conquistar apoios e votos nas campanhas eleitorais brasileiras. Muitos caras que apoiam este ou aquele candidato estão agora nas redes sociais se digladiando. Tem gente que deve estar recebendo algum pra se ocupar disso, tudo bem. Agora, sabemos que muitos defendem pontos de vista, maneiras de expressar o que querem para o futuro do nosso país, de nosso estado, da cidade onde vivemos. Ah, isso sim é fazer política. Nisso eu acredito verdadeiramente. Mas o debate descamba facilmente para o xingatório pessoal, demonstração de uma forma de arrogância pura e simples também. E isso é ruim toda vida. Tipo assim (adolescência tardia me bateu agora ao usar essa expressão), “a minha ideia é melhor do que a sua, imbecil”. Quando alguém saca esse modelo de argumentação, lembro-me do que a gente diz entre amigos: - “Apelou, perdeu”. Não costumo ir adiante em qualquer bate-papo quando me

Armadilha da Receita Federal

Imagem
por Frederico Antônio Simão Transferir a responsabilidade pelo pagamento de todo o débito tributário da empresa para os sócios é uma armadilha para os empresários, argumenta advogado trindadense. Empresário, não dê baixa em sua Empresa na Junta Comercial se a mesma tiver débitos tributários, porque a Receita Federal criou uma armadilha para os empresários, com a promulgação da Lei Complementar nº 147/2014. E esta armadilha consiste na transferência da responsabilidade pelo pagamento de todo o débito tributário da empresa para o patrimônio de seus sócios. Cabe aqui esclarecer que a responsabilidade dos sócios, pelas dívidas de sua empresa, esta constituída na forma limitada é na exata medida do capital social de cada um dos que compõem a sociedade. E se o Empresário cair nesta armadilha, que tem sido apresentada como uma grande vantagem, todo o seu patrimônio estará comprometido com o pagamento dos débitos tributários, mesmo que o valor destes débitos seja mui

Rotary de Trindade e Casa da Amizade promovem o Outubro Rosa.

Imagem
Rotarianos e associadas da Casa da Amizade fazem parceria com a Clínica da Mulher e o Laboratório Atalaia e realizam atividade dentro da campanha Outubro Rosa em Trindade. Outubro Rosa: Rotarianos e associadas da Casa da Amizade, juntamente com Alessandro Calaça, disseminaram informações sobre câncer de mama e outras doenças. A campanha  Outubro Rosa teve início nos Estados Unidos da América, nos anos de 1990, quando da realização da Corrida pela Cura, em Nova Iorque. A preocupação básica aí sempre esteve relacionada com o diagnóstico precoce e prevenção do câncer de mama. Lá pelo ano de 1997 foi que este movimento passou a acontecer em diversas outras cidades norte-americanas, depois se espalhou pelo mundo. O objetivo dessa iniciativa é despertar a conscientização nas pessoas em geral, especialmente nas mulheres, para se buscar a prevenção e o diagnóstico precoce do  câncer de mama . Na fase inicial da doença o índice de cura total é muito alto e o tratamento eficien

Hora de despertar para a mobilidade urbana em Trindade.

Se os gestores de Trindade continuarem meio que deitados "em berço esplêndido" como têm estado em relação à mobilidade no município estamos bem arranjados para um futuro não muito distante. Você transita pela região central da cidade, principalmente na Avenida Manoel Monteiro, entre a Avenida Raimundo de Aquino e a Rua 13, e dá trabalho para o motorista encontrar vaga para estacionar. Nem sempre os condutores de suas máquinas maravilhosas obedecem regras básicas de trânsito por aqui. Os comerciantes rebaixam os meio-fios em frente aos seus estabelecimentos reduzindo ainda mais as vagas para se estacionar. A dúvida é saber se essa iniciativa tem alguma autorização oficial da Prefeitura da "Capital da fé". Na minha opinião, que vale pouquíssima coisa: Se sim, não devia. Se não, seria o caso do poder público municipal reverter essa situação, ouso acreditar. A ocupação e uso de calçadas pelos donos de bares e restaurantes e lojas em geral em Trindade é outro ponto

Todos querem um auxílio, mas nem todos, só os bons serão auxiliados.

Imagem
Conselho Nacional de Justiça regulamentou o direito ao auxílio-doença para os Magistrados, decisão seguida pelo Conselho Nacional do Ministério Público e agora os inativos pleiteiam o benefício. Auxílio-Moradia a inativos Em Goiás, o impacto do auxílio-moradia a juízes e desembargadores estaduais aposentados deve alcançar a cifra de R$ 36,7 milhões anuais, caso o Supremo Tribunal Federal (STF) acate o pedido da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), para estender os benefícios aos inativos. A entidade apresentou como argumento a vitaliciedade e a paridade entre os ativos e os inativos da toga. Há 7000 magistrados aposentados do Poder Judiciário de Goiás que poderão receber todo mês a ajuda de custo, no valor de R$ 4.377. Reportagem do Popular revelou, segunda-feira, que os cofres públicos ter baixa anual de quase R$ 50 milhões, para pagamento da verba a magistrados, promotores e procuradores que atuam em Goiás, nos âmbitos estadual e federal. Comentário

Tempo quente entre Iris Rezende e Marconi Perillo na TV Anhanguera.

Imagem
Assisti sem prestar muita atenção, confesso, ao debate realizado pela TV Anhanguera, nesta noite de quinta-feira (23), entre os candidatos a governador de Goiás, Iris Rezende (PMDB) e Marconi Perillo (PSDB). É evidente que sempre quando o clima esquentava de verdade entre os adversários me ligava mais um tantinho na coisa toda, mas o rígido e frio formato do programa não oferece tempo para que o clima permanecesse quente. Alguém se exaltava e lá vinha o "mediador" botando água fria na fervura. Ideias mesmo, não provocou ou despertou celeuma alguma entre esses caras aí que estão se engalfinhando pelo poder político em Goiás pela terceira vez. Marconi, não custa lembrar, está vencendo todas. Mas retomando aqui. Ideias não vieram à luz no debate não. Mas na verdade nem mesmo na campanha toda. Penso que muito dificilmente o sujeito vai conseguir pinçar algo semelhante a uma grande ideia neste embate eleitoral. O que verdadeiramente provocou bate-boca tem a ver mesmo é

Pesquisa Ibope aponta Marconi com 60% e Iris 40% dos votos válidos.

Imagem
Mais uma pesquisa que aponta vitória de Marconi sobre Iris, mas ainda há esperança de virada entre os peemedebistas. O Ibope entrevistou 812 eleitores em 40 municípios de Goiás, entre os dias 18 e 20 deste mês e o resultado foi divulgado na edição de hoje (21) do Jornal Anhanguera 2ª Edição. Margem de erro é de 3 pontos porcentuais para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%. A pesquisa foi contratada pela TV Anhanguera. Os números que têm merecido maior atenção dos analistas, políticos, jornalistas e curiosos em geral, são os chamados votos válidos, aqueles que se consegue excluindo os brancos, nulos e os entrevistados indecisos. Esta é a forma pela qual a Justiça Eleitoral chega ao resultado final das eleições. No levantamento, Marconi Perillo (PSDB) ficou com 60% dos votos válidos, enquanto que Iris Rezende (PMDB) obteve 40%. Na pesquisa anterior o resultado foi Marconi 56% e Iris 44%. Quando se considera, todavia, os votos totais, ou seja, aq

Justiça determina que Estado compre Canabidiol para tratamento.

Decisão judicial determina que o Estado de Goiás pague por medicamento à base de maconha para tratamento de criança. Patrícia Moreira dos Santos Pinho, de 29 anos, conseguiu na Justiça que o estado de Goiás seja obrigado a custear o medicamento Canabidiol (CBD), derivado da maconha, para o tratamento de seu filho, P H A, de 6 anos, que possui paralisia cerebral. O medicamento tem venda proibida no Brasil e só pode ser conseguido com autorização especial da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O CANABIDIOL, principal composto do medicamento, é uma substância derivada da maconha não é psicoativo n em provoca sedação e não causa dependência. A família espera que o medicamento melhore a qualidade de vida do menino, que se alimenta apenas por sonda, não fala, não anda e não consegue segurar nenhum objeto com as mãos. Segundo a mãe do garoto, o primeiro procedimento foi conseguir uma prescrição médica para que a Anvisa liberasse a importação do medicamento. Depo

Candidatura de Gomide sob risco de impugnação pela Justiça Eleitoral.

Imagem
Irregularidades nas contas do prefeito de Anápolis Antônio Gomide podem levar a indeferimento de sua candidatura a governador de Goiás. Antônio Gomide: Candidatura em risco. Acabo de ler no Blog Eleições 2014 do jornal O Popular, que o Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO) julgou procedente o pedido de impugnação da candidatura de Antônio Gomide (PT). O motivo tem a ver com irregularidades nas contas da prefeitura de Anápolis, relativas ao ano de 2010. Gomide era prefeito da cidade e renunciou ao mandato no dia 3 de abril deste ano para concorrer à sucessão estadual. Resultado final do 1º turno das eleições deste ano, mostrou que Gomide ficou em quarto lugar, com 319.233 votos ou 10,09% dos votos válidos. Gomide teve uma campanha difícil e ao chegar ao finalzinho da caça ao voto em primeiro turno, o vereador de Goiânia,  Tayrone di Martino (PT), renunciou à candidatura a vice-governador. O vereador votou contra o projeto de elevação das alíquotas do Imposto P

Juízes e servidores podem passar a receber mais um auxílio.

Imagem
Cleomar Almeida, jornalista da coluna  Direito & Justiça , do jornal O Popular (http://www.opopular.com.br), deu a notinha abaixo, na edição deste domingo (19), página 8. Cá comigo penso que seria bom que o Governo de Goiás mirasse neste exemplo e instituísse auxílio-moradia e auxílio-creche para todos os servidores estaduais, principalmente aqueles cujos salários pouco ultrapassam o valor do salário mínimo em vigor. Leia a notinha em azul com atenção. TJ quer aprovar novo auxílio Depois de instituir o auxílio-moradia, o Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJ-GO) pretende adotar o auxílio-creche, no valor de 450 reais, para magistrados e servidores que tenham filhos com até 5 anos de idade, cadastrados como dependentes no imposto de renda. O valor seria repassado por cada criança. Hoje há cerca de 800 possíveis beneficiários, segundo o diretor-geral do TJ-GO, Wilson Gamboge. Considerando este número, a previsão é de que o impacto anual gire em torno de R$ 4,3 mi

Barra Point continua de portas abertas sim, senhoras e senhores.

Imagem
Flagrante de um almoço em família no Barra Point. Agora de manhã, neste domingo (19), primeiro dia do Horário Brasileiro de Verão (2014), estava fazendo umas pequenas compras em supermercado de Trindade, quando avistei o jornalista Alair de Paula conversando com a professora e empresária Viana Campos. Após os cumprimentos de sempre, o papo da hora, calor demais da conta, a campanha eleitoral que felizmente está no finalzinho e negócios, evidentemente. Viana Campos então nos contou que o boato de que teria vendido o Pesque-pague Barra Point para a Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe) tem atrapalhado os negócios sim. “Até hoje aparece alguém me dizendo que não tem ido ao pesque-pague porque ouviu dizer que foi vendido”, o que não ocorreu e nem está nos planos dos proprietários, Viana e seu esposo Toninho Campos. “Vender pra quê?” - perguntou Viana, já respondendo também. “Não pensamos em vender nada agora não”, disse Viana. Na verdade, o Pesque-pague Barra Point continua

Por falar em falta d'água...

Imagem
O artista  João Colagem , no seu perfil no Facebook, sempre nos brinda com belos trabalhos, passeando sobre diversos temas. Como estamos, nos últimos dias, vivendo tempos de uma secura só, chuva que é bom não tem caído do céu, reservatórios de água potável para o consumo das massas estão encolhendo, secando mesmo, caso do sistema cantareira que abastece os milhões de paulistanos, é sempre inquietante ver uma imagem feito essa aí embaixo criada pela mente sempre genial de João Colagem. Dá uma gastura na gente só de pensar como é terrível você abrir a torneira e não sair nem um pingo d'água. E como fica mesmo aquela hora em que você precisa de verdade, não dá para esperar mais nem um só segundo, usar o vaso sanitário mas pensa assim: Cadê a água? Temos sido informados dia sim e outro também que a falta de água em diversos bairros de Goiânia tornou-se uma constante; a mesma coisa acontece em Trindade, convém salientar. O caso é sério e João Colagem nos leva a pensar a respeito do

Lá vem o Horário Brasileiro de Verão...

Estava eu aqui incomodadíssimo com o calorão insuportável que está fazendo em Trindade, Goiás, neste momento, quando ouço em um televisor ligado em algum lugar nas imediações, aquele "plim-plim", seguido do aviso... "À meia-noite, adiante seu relógio em uma hora"... Aneim! Que tristeza, minha gente. Definitivamente, não gosto desse horário de verão nem um pouquinho.

Pancadaria verbal como forma de fazer a disputa eleitoral.

Não estou entre os que ficam pensando que temporada de caça ao voto é momento propício para os concorrentes apresentarem suas melhores características ao distinto público vontade. A realidade da disputa faz aflorar nos concorrentes o desejo de vencer a qualquer custo. Talvez por isso mesmo os envolvidos na peleja acabem se decidindo por, em vez de apresentar propostas de trabalho, destacar os pontos falhos do adversário. Por outra, o foco é “desconstruir” o adversário visto como o inimigo a ser dizimado. No futebol antigamente denominado de várzea, o pessoal costuma dizer que, do pescoço para baixo, tudo é canela. Dessa forma o espaço no corpo do adversário que pode receber porrada é aumentado. E o jogo, como todo mundo sabe perfeitamente, é sempre bruto mesmo.   Inclusive no caso do futebol feminino não tem essa de delicadeza das meninas não, senhor. O pau canta mesmo. Não há intenção alguma de fazer graça neste caso. Não tem trocadilho algum, se é que me entende. Em have

Parceiro

Parceiro