Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2014

Entrevista: Clóvis Leal dos Santos

Imagem
Atuando na manutenção de um espaço virtual que garante a diversidade de opiniões políticas em Trindade

Jovem empresário trindadense que também atua como fomentador do debate político em Trindade, auxilia a manutenção de comunidade no Facebook onde tem ocorrido calorosa discussão a respeito da política na “Capital da fé”.
Com a popularização da internet na sociedade, o debate político em Trindade também passou a acontecer no mundo virtual. O bate-papo em rodinhas de gente que gosta de política ainda ocorre, é verdade, mas nos últimos anos a coisa vem pegando fogo mesmo é nas comunidades que tratam de política na “Capital da Fé” hospedadas no poderoso Facebook. Falamos do grupo denominado TEP (Trindadenses Engajados Politicamente), que até deu origem ao TEP Livre, onde tem ocorrido caloroso debate a respeito de questões políticas na cidade.
Entre os mais atuantes participantes, figura o jovem empresário Clóvis Leal dos Santos que desempenha papel de destaque no TEP. Emitindo opinião a resp…

Prefeito em exercício afirma que carros e motos serão retirados da calçada da Delegacia de Polícia.

No último fim de semana, durante um bate-papo com o prefeito em exercício de Trindade, Gleysson Cabriny (PSDB), fiquei sabendo da disposição dele em dar início, hoje (28), na retirada daqueles veículos parados na calçada em frente à Delegacia de Polícia Civil, na Avenida Manoel Monteiro. O destino de carros e motos apreendidos será um depósito ao lado do atual aterro sanitário da cidade.
A expectativa do prefeito em execício de Trindade é de que os trabalhos de remoção de carros e motos devem durar aí uma semana, pelo menos. Dessa forma, a calçada poderá voltar a ser utilizada pelos pedestres, ou seja, aquele espaço voltará a cumprir assim sua finalidade principal. Trata-se de algo que precisa ser feito o mais rapidamente possível. Do jeito que está chega a ser desrespeito aos cidadãos da “Capital da fé”.

Estamos nos acostumando à violência diária...

De vez em quando faço aqui alguma referência ao sentimento de medo que a gente percebe nas pessoas em todos os lugares, por causa da violência de todo dia. Roubos, assaltos, furtos, enfim, esses acontecimentos deixaram de ser uma espécie de "coisa de cidade grande" para dar o ar da graça também nos pequenos municípios, como se vê nos noticiários nacional, estadual, bem como nos relatos de vizinhos e amigos.

Hoje, os caras entram nas casas e fazem uma verdadeira "faxina" se os donos lá estiverem ou não. Pior se encontrar os proprietários dos imóveis. Aí eles costumam judiar das pessoas com espantosa covardia e desumanidade. A audácia dos "malas" não têm mais limites não. Sob a luz do sol mesmo o elemento mata o outro assim sem dó nem piedade. Isso demonstra não haver a menor preocupação com uma punição, sobretudo aquela que se espera do Estado e suas instituições. Vivemos em tempos modernos em que a vida humana está valendo muito pouco.

Nos primeiros 20 dias…

Falando um pouquinho sobre bom e mau atendimento ao cliente.

Segundo dados oficiais do turismo no Brasil, a Bahia está entre as três localidades mais atrativas deste país “em que se plantando tudo dá”. O berço de “Painho” e “Mainha” só fica atrás, como destino preferencial dos turistas brasileiros, do Rio de Janeiro e de São Paulo. Parece que isso é até visível mesmo a olho nu. Quem viaja com uma certa regularidade acaba concordando com a afirmação.
E um dos locais em território baiano que mais atraem os turistas domésticos é Porto Seguro, na região sul daquele estado. Goianos então são como arroz-doce de festa naquele município onde o que não faltam são atrativos passeios, festas, claro, praia com água em temperatura agradável, boa comida e dança a não mais poder. Agora, por exemplo, estão dançando na barraca “Tô a toa”, uma das mais frequentadas da orla, na região de Taperapuan, ao som do “Lepo Lepo”. Muita gente gosta, viu? Veja, se quiser ~> http://www.youtube.com/watch?v=FMzfIzX3o74Então.
Mas qual o motivo dessa conversa toda, minha gente…

Hora de voltar ao batente

Então chegou a hora de retomar o batente aqui neste espaço, caríssimos. Trabalhar claro que tem sim sua importância, ora pois, mas descansar igualmente se faz necessário. Todavia, agora depois de uma semana de ócio, convém voltar ao normal. Daqui a pouco teremos notinha nova por aqui. Abraço, gente.

Falta bom senso às vezes nas filas de auto-atendimento nos bancos

Se a gente tem o desejo forte de ficar bem, evitar ao máximo o estresse, paciência é o nome do jogo, não é verdade? Por exemplo, você chega na agência do Banco do Brasil em Trindade, onde no auto-atendimento estão instalados 10 terminais. No entanto, em apenas 2 deles é possível fazer saque, porém nos demais o cliente consegue realizar outras transações como tirar extratos, transferir dinheiro entre contas, depositar e por aí vai.
O pior é quando a gente chega querendo apenas sacar uns trocados justamente no momento em que o sujeito começa a resolver sua vida bancária naquele exato instante, se utilizando de um dos dois terminais que estão disponíveis para saques. Nessas ocasiões o cara geralmente não liga o desconfiômetro de maneira alguma. Pouco importa pra ele se a fila vai crescendo. É incrível como isso ocorre. Parece que tem a ver com aquela tal Lei de Murphy, ou seja, “se uma coisa pode não dar certo ela não vai dar certo”. Pois então, é isso.
O cara deseja fazer um saque, mas só…

E novamente falando sobre a Passarela da Fé

Imagem
Na principal via de acesso à Trindade está sendo construída ou implantada a Passarela da Fé. É uma obra pública que custará aos contribuintes a quantia de R$ 209 mil, cujos participantes são a Prefeitura Municipal de Trindade, Caixa Econômica Federal e o Ministério das Cidades. O período previsto para a implantação, segundo informa uma placa no local, era de 28.06.2013 a 30.12.2013. Quer dizer, a coisa já está atrasada.
Dia desses estava fazendo uma caminhada por ali, pelas bandas da Avenida Raimundo de Aquino, a entrada de Trindade, em cuja margem estão implantando a Passarela da Fé, e é meio que uma aventura andar pelo local. Os trabalhos seguem em ritmo lento demais da conta, água da chuva parada, terra, tijolos, areia, enfim, acho que caminhar/correr, se exercitar naquele lugar no momento é pouco recomendado.
O problema é que o caminhante acaba tendo que disputar espaço com carros, caminhões, ônibus, motos quando se aventura a passar por aquele lugar, na pista de rolamento mesmo. E …

Festa de Santos Reis

Imagem
E continua em cartaz a Festa de Santos Reis, na comunidade do Setor Oeste, em Trindade. E até o domingo (12), gente. Todas as noites é celebrada missa e, na sequência, o pessoal segue para a quermesse no salão de eventos do Centro Comunitário Dona Gercina Borges, ao lado da Capela de Santos Reis, que se encontra passando por ampla reforma. Na sexta-feira (10), às 9h, terá a saída da Folia de Reis, lá mesmo da capela, com a entrega sendo realizada no domingo, último dia da festa, às 15h. Eis aí uma dica para o seu fim de semana ter um quê de religiosidade e tradição do povo do Coração do Brasil.

Jânio Darrot se licencia do cargo para tratar da saúde

Imagem
Prefeito de Trindade, Jânio Darrot (PSDB) se licenciou do cargo por 30 dias, desde ontem, segunda-feira (6), para tratar da saúde em São Paulo, onde se submeterá a uma cirurgia de prótese no fêmur da perna direita. O procedimento cirúrgico está marcado para hoje, terça-feira (7), pela manhã.
Com o afastamento de Darrot, o vice-prefeito Gleysson Cabriny (PSDB) assumiu o comando da Prefeitura de Trindade ontem mesmo, com a disposição de manter o ritmo de trabalho da atual administração municipal. À noite, Cabriny participou de uma missa na Capela de Santos Reis (em reforma), no Setor Oeste, em Trindade, na tradicional festa da Igreja Católica, cuja celebração foi presidida pela Padre Marco Aurélio Martins.
Cabriny está, digamos, realizando em parte seu sonho de ser o prefeito de Trindade com esta substituição. Ex-vereador e ex-presidente da Câmara Municipal, Gleysson Cabriny tem grande capacidade de articulação política e portanto o período deve ser de absoluta paz nos hostes governistas…

Amor e amizade

Padre Luiz Augusto

Há pessoas que entram na nossa vida e nos cativam pela generosidade, pelo seu jeito simples de ser. E passamos a amá-las com amor de predileção. Tonam-se amigos especiais que queremos sempre por perto, quando não é possível, contentamos em receber notícias.
Nesse mundo, perdemos muito, perdemos a capacidade de ser amigo em quaisquer circunstâncias, porque perdemos a capacidade de sentir, de expressar gratidão, de olhar nos olhos e dizer: “Amigos para sempre.”
Sentir saudade é próprio de quem ama, ainda que não haja correspondência. Mas é muito complicado perceber aquilo que o próprio Deus dizia a respeito do nosso amor por Ele: “O amor de vocês é como o orvalho da manhã que logo se dissipa.”
Não é bom nem fácil constatar que os relacionamentos humanos de hoje, os nossos relacionamentos, são muito mais relação de ajuda que verdadeira relação de amizade, que mudam, sobretudo, quando exigem esforço, doação maior de nossa parte. Amigo pode até não concordar com a atitude do…

Reiterando o convite

Já que não consegui acertar as seis dezenas da edição 2013 da Mega Sena da Virada, o jeito vai ser trabalhar normalmente nesta quinta-feira (2), caríssimos(as). Então, aproveito o momento para reiterar o convite para quem visitou este espaço nos últimos meses, que continue fazendo isso ao longo deste ano que acaba de começar. Pode, como diz aquela canção do pessoal da Bahia, "avisa a vizinha" e quem mais puder. Se for possível, evidentemente. É isso aí!

Enfim, o ano-novo já começou...

Estava pensando ainda agorinha mesmo que o Natal já é passado; 2013 idem, e 2014 acaba de começar. Realmente, o tempo anda mais acelerado do que antigamente embora cada minuto continue valendo os mesmos 60 segundos de sempre. Acho que isso tem mais a ver com a dinâmica dos dias atuais. É tanta coisa acontecendo naquela base do “tudo ao mesmo tempo agora” que a gente fica meio aturdido.
Sempre que a gente conversa com qualquer pessoa da faixa etária, digamos, dos seus 30 anos acima, escutamos mais ou menos a mesma coisa a respeito dessa impressão de que o tempo passa mais rapidamente hoje em dia. Sinal de que a vida não está assim tão ruim, não é verdade? Minha finada avó materna dizia que se a gente está achando que o dia está passando rápido demais é porque a vida está boa. Do contrário, seria uma choradeira só, repetia pra gente. Acho que ela tinha razão.
Pois é, isso tudo só pra dizer que o primeiro dia de 2014 também está chegando ao fim. De qualquer forma, penso ser interessante re…

Parceiro

Parceiro