Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2013

Cadê o pessoal bacana, correto, para se filiar aos partidos políticos e promover a renovação político-partidária?

É um argumento recorrente quando se está discutindo política ou as preferências individuais por este ou aquele candidato nas campanhas eleitorais: faltam bons políticos para se votar. Não é verdade, amigo internauta? Não é isso o que a gente mais ouve cotidianamente? Já me cansei de escutar essa cantiga e faz tempo. De acordo com, sei lá, o senso comum, as opções são escassas demais da conta, em se tratando de bons políticos, homens ou mulheres, neste Brasil de meu Deus. Naqueles agitados dias de junho deste ano, entre uma e outra manifestação popular, muita gente falava disso, da baixa qualidade dos políticos brasileiros. E neste contexto fica difícil para o eleitor escolher, pois estão todos nivelados por baixo. Bem, é mais ou menos por aí que se percebe o desenrolar das disputas políticas que visam, evidentemente, a conquista do poder, dos postos de comando das máquina administrativa nas três esferas, os Municípios, os Estados e a União. Acho muita simplificação do assunto e

Bob Marley - Redemption Song (Acustic)

Há sempre algo com que nos preocupar nesse mundo de meu Deus.

Desde ontem (Sábado, 28) que o tempo em Trindade, Goiás, estava fechado, como a gente diz por essas bandas, embruscado mesmo. Céu cinza, um calorão de fazer o camarada suar mais do que tampa de chaleira, foi desse modelo que a gente passou ontem, aqui na “Capital da fé” dos goianos. Havia previsão de chuva, vale lembrar. Pelo menos, na região mais central da cidade não teve chuva assim não. E o domingo com suas tradicionais e concorridas missas na Igreja Matriz de Trindade e, claro, na Basílica do Divino Pai Eterno, principalmente aquelas celebradas pelo Padre Robson de Oliveira Pereira, reitor daquele Santuário, seguiu normalmente, sem atropelos. E calorão presente durante todo o tempo. No meio tarde, porém, a boa-nova: Chuva, calma, sem trovões e relâmpagos. Bom demais da conta. Final da tarde, o céu continuou fechado aqui, fechadíssimo acolá. Deu até pra fazer caminhada/corrida pelas ruas centrais de Trindade, sem ser surpreendido pela chuva. Mas no início da noite, eis que

O entorno da Praça Constantino Xavier é um ótimo local para investimento.

A Prefeitura de Trindade até que fez sua parte ao reformar, na verdade, construir, uma nova Praça Constantino Xavier, onde está a sede do poder Executivo da “Capital da fé” dos goianos. Foram gastos quase 1 milhão de reais de programa do governo federal, e algum dinheiro do município, na obra mas valeu a pena. O local ficou muito bonito e acolhedor mesmo. Agora, é minha opinião, está faltando sabe o quê? A Prefeitura construir uma nova sede em outro lugar, e aquele prédio lá na praça passar a ser uma espécie de ponto de turismo, com restaurantes, lojas de souvenirs, roupas, artesanato em geral. Não vejo sentido a sede do poder Executivo trindadense funcionar naquele lugar cujo espaço é mais do que insuficiente para abrigar os órgãos da administração municipal. Claro que construir um edifício para a Prefeitura vai custar alguns milhões de reais que, no momento, sabemos não existir nos cofres do governo municipal. Todavia, os gastos mensais com o pagamento de aluguéis para que

Dia de cantar parabéns para o Dr. Divino.

Imagem
Divino Firmino, o aniversariante do dia: Parabéns! Hoje é dia de cumprimentar o jovem senhor aí da foto ao lado. Pela roupa do ilustre personagem e o cenário (cadeira odontológica e demais aparelhos) da fotografia o internauta já percebeu que se trata de um cirurgião-dentista, evidentemente. E no caso, estamos falando do Divino Firmino do Carmo, filho do Marinho. Sim, é mesmo aquele senhor do Bar do Marinho, tradicional point da Praça do Romeiro, na Vila Barro Preto. Claro também é lá que se tem a oportunidade de comprar e degustar o melhor picolé de coco queimado do Brasil. Pois então, Divino Firmino é filho do Marinho. E tem mais, viu? O Divino é casado com a bióloga e professora Lizziane Loureiro e os dois são pais do Arthur. E no futebol, o Divino tem uma queda pelo Vila Nova. Há quem até diga se tratar de um torcedor doente, daqueles que fica aporrinhando os outros quando o time do coração vence um campeonato qualquer. Ou seja, deve fazer um tempão que o Divino não amola n

Jásper Bitencourt é o novo chefe de gabinete do prefeito de Trindade.

Imagem
Jásper Bitencourt: Chefe de gabinete do prefeito de Trindade. A equipe do prefeito de Trindade, Jânio Darrot (PSDB), ganhou um reforço recentemente. Trata-se do novo chefe de gabinete, Jásper Meirelles Bitencourt. Empresário atuante na "Capital da fé" há mais de 30 anos presente na economia local, com atuação no comércio (Supermercado Rochedo) e agora na segmento gráfico (Plotart), Jásper Bitencourt estréia no setor público numa função considerada por muitos entendidos da tricas e futricas do poder, como sendo algo espinhoso demais da conta. É que o chefe de gabinete é aquele servidor que cuida da agenda de compromissos diárias do prefeito. A agenda mas concorrida do município acaba ficando sob os cuidados do chefe de gabinete. E todo mundo sabe como é que isso aí não é fácil de ser administrado no dia a dia. Há sempre gente demais querendo audiência e o tempo nunca é o suficiente para atender a todos, principalmente em se tratando das reivindicações trazidas pelas pe

Algumas considerações sobre reforma administrativa na Prefeitura de Trindade.

O próprio Secretário de Finanças da Prefeitura Municipal de Trindade, Júnior Cabriny, em entrevista exclusiva para este blog (veja os posts abaixo), falou sobre a reforma administrativa que deverá ser feita pelo prefeito Jânio Darrot (PSDB), em breve. Adiantados estudos já foram realizados e o projeto a respeito da matéria não tardará a chegar à Câmara Municipal para as análises de praxe, discussões, negociações (políticas, evidentemente) e votações.  Nessa reforma Secretarias deverão ser extintas ou rebaixadas para Superintendências. Hoje em dia, existem 22 Secretarias na Prefeitura de Trindade, legalmente falando. No entanto, o atual prefeito decidiu nomear titulares para 17 pastas, ou seja, ainda restam 5 outras Secretarias, caso se entenda conveniente expandir o secretariado municipal da "Capital da fé". Bem, felizmente a sinalização que se tem é justamente no sentido oposto: Reduzir mesmo a quantidade de Secretarias. Eis uma forma interessante de se pensar e que, se co

Eita que está fazendo um calorão de rachar.

Gente, que calor é esse que está fazendo em Trindade e região nos últimos dias? Hoje a coisa foi na base dos 37 ou 40ºC, não tenho dúvida nenhuma. Se essa temperatura doida é fruto, sei lá, do efeito estufa ou não, o caso é que não é mole não. No popular, que calorão de rachar mamona! A coisa está feia, caríssimos(as)! A gente fica à toa em casa, quase que sem roupa nenhuma e nada de se sentir bem. Se tem que fazer uma pequena viagem então é que o bicho pega. Do asfalto, ali pelas 14h, via subir uns vapores. Como muitos dizer por aí, "dá pra fritar ovo na pista". Sei não, mas acho que está na hora de se começar a pensar em plantar mais árvores, cuidar melhor das que já estão por aí, zelar mais dos córregos e rios também, deixar de jogar lixo pra tudo quanto é lado, e pensar muito bem a respeito da chamada expansão urbana que resulta em asfalto e concreto por onde quer que se olhe. Ah, claro! Sei que isso não é fácil, foi só uma sugestão ou devaneio ou talvez tenha viajado na

Sensação de insegurança é a regra geral

A ousadia (ou cara de pau mesmo) dos ladrões é uma coisa espantosa. Neste sábado, hoje, devia ser entre 17h30 e 17h50. Portanto, a luz do sol ainda brilhava com toda força, como acontece, principalmente nestes dias de um calor forte demais da conta. Um amigo meu, vizinho, acostumado a deixar seu carro à sombra na porta da casa dele, estava na tranquilidade do seu lar, sentindo aquela traiçoeira sensação de segurança, talvez curtindo a programação televisa. Meu amigo diz ter ouvido barulho e pensou até que fosse alguém consertando ou mexendo em algum outro carro lá fora. Não deu maior importância ao caso e a vida seguiu seu curso. Esquecido de qualquer coisa, saiu à porta da rua e levou um baita susto. Olhou seu carro estacionado na calçada diante de casa, percebeu algo errado. E sabe que era? Um amigo do alheio roubou o pneu de estepe de seu carro, assim, na cara dura. O ladrão sequer se preocupou com o fato de ser dia ainda. É uma frustrante, angustiante também, realidade  da qual

Entrevista com Júnior Cabriny, Secretário Municipal de Finanças da Prefeitura de Trindade.

Nos 2 posts abaixo publico a entrevista exclusiva com Júnior Cabriny, Secretário Municipal de Finanças da Prefeitura de Trindade, sob a gestão do prefeito Jânio Darrot (PSDB). É, portanto, alguém que conhece muito da atual situação financeira do Poder Executivo Municipal. Penso que vale a pena saber conhecer um pouco melhor sobre o jovem secretário e suas opiniões. Júnior Cabriny é irmão do vice-prefeito de Trindade, Gleysson Cabriny, tem atuação como empresário de eventos e de comunicação em rádio. Trabalhou muito na coordenação da campanha vitoriosa de Jânio Darrot nas eleições de outubro do ano passado. Não falte quem atribua a ele o papel de mente criativa senão de toda, mas pelo menos das principais ações desenvolvidas na campanha do agora prefeito tucano de Trindade. Cabriny trabalhou com o Padre Robson de Oliveira Pereira, Reitor do Santuário Basílica do Divino Pai Eterno, principalmente nas viagens de evangelização da visita da Imagem Peregrina da Santíssima Trindade coroan

Entrevista com Júnior Cabriny, Secretário Municipal de Finanças da Prefeitura de Trindade - Parte 1

Imagem
Secretário Júnior Cabrinny: Sintonia fina com o prefeito. O jornal Informativo Trindadense, edição de agosto, estampou manchete dizendo que a Prefeitura está quebrada. Como estão as finanças da Prefeitura na verdade? Sinceramente, estamos trabalhando muito para salvar as contas da Prefeitura de Trindade. Quando o prefeito Jânio Darrot assumiu a gestão no início de janeiro deste ano, momento em que fui nomeado secretário de Finanças, encontramos uma situação calamitosa. Na cidade, como todos puderam comprovar, eram infindáveis os exemplos de descaso. Descaso na saúde, na educação, na infraestrutura. Enfim, uma situação deplorável. Com tão poucos investimentos na cidade, era de se esperar que houvesse, pelo menos, dinheiro em caixa, já que os recursos do município não estavam sendo aplicados na cidade. E qual foi a nossa surpresa? Constatamos um rombo de mais de 60 milhões de reais. Era inacreditável! Como assim? Sem investimentos na cidade e sem dinheiro em caixa. Quer dizer

Entrevista com Júnior Cabriny, Secretário Municipal de Finanças da Prefeitura de Trindade - Parte 2

Dos mais de 60 milhões que o senhor afirma que deve a Prefeitura, como está localizada esta dívida, secretário? Só da folha de dezembro do ano passado (gestão de Ricardo Fortunato) ficaram mais de 4 milhões de reais para a atual gestão pagar. Na Celg e Saneago, a Prefeitura de Trindade deve cerca de 20 milhões de reais. Estas dívidas estão agora sendo negociadas. INSS e PASEP são quase 15 milhões de reais que foram parcelados. Já na Previdência são em torno de 16 milhões de reais que sumiram. Estamos terminando uma auditoria rigorosa porque encontramos muitas irregularidades quando entramos. Enfim, a situação é muito crítica. Encontramos uma terra arrasada e sugada pelos Fortunato e pelos Moraes. Isso porque, além do prejuízo causado pela dívida, ainda temos o prejuízo da consequência: estas dívidas fazem com que o nome da Prefeitura fique sujo no CAUC (Cadastro Único de Convênios) e, infelizmente, temos restrições a muitos benefícios ou recursos. É como uma pessoa com nome sujo na

Rotarianos definindo os últimos detalhes da campanha de Doação de Sangue para o Hemocentro

Imagem
Rotarianos preparando a campanha com o Hemocentro. Neste sábado (21), a partir de 8h, no Colégio Estadual Divino Pai Eterno, enquanto acontecerá uma série de eventos e serviços dentro do projeto “Ação Global”, uma realização do Sesi (Serviço Social da Indústria) e Rede Globo, criado em 1995, com o objetivo de atender à população, sobretudo aquela mas carente, os rotarianos de Trindade estarão envolvidos na campanha pela Doação de Sangue para o Hemocentro de Goiânia. O Rotary de Trindade, sob a liderança do presidente Joder Magalhães, fechou parceria com o Hemocentro de Goiânia com a finalidade de conseguir, pelo menos, 120 bolsas de sangue para aquela unidade. Vale lembrar que cada bolsa de sangue tem uma capacidade de até 450 ml. Se alcançada a meta, o estoque do Hemocentro terá um reforço sempre bem-vindo e necessário, dada a procura, evidentemente. As rotarianas Dinair Cardoso dos Santos Costa, pedagoga, e Letísia Guimarães Maciel, assistente social, estão à frente da co

Rotary de Trindade em busca de doadores de sangue para o Hemocentro, no "Ação Global".

Imagem
O Presidente do Rotary Clube de Trindade, distrito 4530 do Rotary International, Joder Magalhães (esse jovem senhor na imagem acima), juntamente com os demais companheiros, esperam por sua particiação, amigo e amiga internauta, no dia 21 de setembro de 2013, no Colégio Estadual Divino Pai Eterno, claro, em Trindade, nessa grande campanha de Doação de Sangue, que acontecerá no decorrer da "Ação Global", uma realização do Sesi/Rede Globo e Afiliadas (TV Anhanguera, em Goiás). Sua participação é fundmental, diria, imprescindível, caríssimo e caríssima. Pode acreditar. Venha e ajude-nos a ajudar a quem precisa.

O tempo muda e a gente percebe algumas mudanças no trânsito também.

O tempo ficou feio toda vida no final da tarde de hoje em Goiânia e Trindade também. Nada assim tão assustador, muito menos, inédito, nesta época do ano. O calorão parece ter chegado de vez aqui na região e daqui a pouco vai pintar o período de chuvas. E a gente sabe que as primeiras chuvas a coisa geralmente é de dar medo. Ventania forte, nuvem de poeira, um barulhão daqueles, sob raios e uma sinfonia de trovões, costumam compor, digamos assim, a moldura do quadro climático nesta época do ano. E o trânsito, hein? Ah, o trânsito! Final do dia, todo mundo querendo chegar mais cedo em casa, enquanto uma multidão de pessoas segue para os colégios e faculdades nos cursos noturnos, além de milhares de trabalhadores tomando o rumo dos respetivos locais de trabalho, ou seja, eis a conhecida descrição do movimento intenso e enlouquecedor das ruas e avenidas da capital goiana. Agora, quando ameaça chover e pinta aquela ventania doida, vários semáforos começam a apagar e aí, pronto. O negóc

Considerações sobre a feira de domingo em Trindade

Que bom que é Domingo. Dia de cultos, celebrações e missas na "Capital da fé" dos goianos. E esses eventos sempre atraem milhares de fieis à Trindade todo fim de semana. Ah, mas há outras atrações também. Hoje é dia de feira, todo mundo sabe disso. Em Trindade, há uma turma que parece marcar encontro na feira ao lado da Rodoviária, no centro da cidade. Os caras, evidentemente, aproveitam para comprar frutas, verduras, legumes, carnes de frango, porco, vaca (e até boi) e peixe também, roupas e aquela infinidade de engenhocas "Made in Paraguay". É, amigos, mas tem também muita gente, é bota muita nisso aí, que não perde uma edição da feira para degustar pastel frito, caldo de cana, uma infinidade de salgados e, claro, não falta quem inicie a peleja dominical degustando caldo de mocotó, que é pra garantir a força e vigor para encarar o "Domingo Maior", conforme dá a entender o Faustão, no programa dele na Rede Globo. Ah, sim, o internauta sabe muitíssimo

Conversando comigo mesmo sobre esse trânsito maluco de hoje em dia. Dito de outra forma, acho que viajei na maionese.

Coisa irritante é estar dirigindo e pintar um sujeito no carro de trás dando aquele sinal de luz alta-luz baixa. É a mesma coisa do cara gritar assim “Ô, Mané! Vaza da frente que eu quero passar!”. Aneim! Isso é de entortar o cano. Geralmente o camarada estando num carrão daquele tipo Hilux, SUV, se acha o dono da pista. A propósito, seria bom pra todos se esse tipo de motorista divulgasse previamente o trajeto a ser percorrido por ele que a gente daria um jeito de desocupar a pista pra que ele, só ele, exclusivamente ele, pudesse transitar à vontade. É o que eu penso. Mas realmente no trânsito o negócio é complicado, nunca é simples. Afinal, a gente pode se considerar ou até ser uma espécie de Ayton Senna da Silva da vida normal, mas nas ruas, avenidas, rodovias, estradas ou trilhas, o buraco é mais embaixo. É preciso dirigir pra si mesmo e, claro, para os outros. O cara ao lado e, pior, em sentido contrário, pode ser um tremendo navalha, ou pior ainda, ousado demais cont

Panfleto informa que demora no atendimento das agências bancárias pode resultar em indenização ao cliente. Será?

Imagem
Se não estou muito enganado, foi na terça-feira (10), por volta do horário do almoço, enquanto caminhava pela Avenida Goiás, no centro de Goiânia, sentido Praça Cívica-Praça do Bandeirante (não existe mais, internauta, há somente o cruzamento das Avenidas Anhanguera com a Goiás), quando ao passar pela calçada de uma Agência da Caixa Econômica Federal, uma moça me entregou o panfleto acima. A peça de propaganda é do Grupo de Apoio ao Usuário Bancário (GAUB) que anuncia plena disposição em ajudar qualquer pessoa cujo atendimento em qualquer agência bancária ultrapasse 30 minutos. Basta que o cliente do banco pegue a senha com o horário em que chegou ao local e, ao ser atendido, exija o registro do momento do atendimento. Pronto, isso aí, segundo o panfleto, já servirá como prova para acionar a instituição financeira no judiciário. E ainda por cima, informa o panfleto, o serviço é grátis. E o melhor de tudo é que se o atendimento demorar mais de 30 minutos o sujeito pode pleitea

Belo espetáculo da natureza bem no centro de Goiânia.

Imagem
Ipê-Branco em plena Av. Goiás, centro de Goiânia. O sujeito ou sujeita, vá lá, que tem transitado pela Avenida Goiás, no centro de Goiânia, entre as Ruas 2 e 3, nos últimos dias certamente teve a oportunidade de vislumbrar 2 pés de Ipês-Branco, floridos. Uma beleza! Grande espetáculo da natureza. Naquele local barulhento demais, cheio de carros, ônibus, motocicletas e gente passando pra lá e pra cá, num frenesi louco da vida moderna no qual todo mundo está com pressa, sabe que muitas vezes a gente nem percebe os detalhes de coisas tão simples e bonitas de se vê como essas árvores no canteiro central da avenida? Eu, por exemplo, só percebi estes belos Ipês depois que uma colega de trabalho, a dublê de servidora pública e atleta Fabíola Ferreira, me deu o toque. “Quando passar pela Avenida Goiás, quase em frente do prédio da Agência da Previdência Social que está em reforma, dê uma olha no canteiro central pra você ver como estão bonitos os ipês”, me disse a amiga Fabíola. E

E parece que os gestores do transporte coletivo não estão ligando muita importância para o usuário ou o passageiro.

Quando você pensa que o transporte coletivo urbano de Goiânia e região não tinha como piorar mais, a vida dos usuários deste serviço essencial leva outro solavanco. É que nesta segunda-feira (10) os motoristas da empresa Reunidas que atua, dentre outras localidades, em Trindade, decidiram pela greve. Segundo o que li no jornal O Popular de hoje, os trabalhadores tem lá sim suas razões para estarem chateados demais da conta com a situação. Vou transcrever em azul um parágrafo da reportagem da repórter Janda Nayara, intitulada “Greve atinge 140 mil passageiros”: Os motoristas decidiram pela paralisação ainda na garagem da empresa, às 4 horas da manhã de ontem, em protesto pelo parcelamento do salário. Eles receberam apenas 45% dos vencimentos no 5º dia útil. Sem os ônibus da Reunidas, os motoristas da Rápido Araguaia, que atendem as mesmas linhas, ficaram com medo de represálias por parte dos passageiros e resolveram também paralisar o serviço. Quando era por volta das 11 horas,

Redução da Imputabilidade Penal

O avanço na criminalidade juvenil aviventou na consciência da sociedade brasileira uma forte reação para reduzir a maioridade penal, isso é, da imputabilidade dezoito (18) para dezesseis (16) anos e até mesmo para catorze (14) na concepção dos mais rigorosos penalistas, bem como naqueles cujas famílias foram vítimas desses crimes infantis de grandes consequências. Por muito tempo defendi que essa proposta redutiva não teria eficácia na redução da criminalidade e que a internação ou a “reclusão” de menores serviria apenas para otimizar-lhes a sanha e a técnica criminosa, pois em grupos colheriam mais experiências infracionais e ou delituosas, uma vez que nossas casas de internação e ou presídios não têm estrutura educacional e tampouco de trabalho adequado, funcionando apenas como escolas de especialização criminosa. Os atuais defensores dessa ideia se esquecem, todavia, de que os grupelhos de infratores em liberdade podem se reunir nas ruas e nos mais diversos espaços públic

Uma delegacia de polícia de Trindade está funcionando em condições precá...

Realmente, a situação da delegacia de polícia civil de Trindade é triste.  A gente já sente que a coisa não vai bem pela quantidade de carros permanentemente estacionados sobre a calçada, atrapalhando, melhor, impedindo mesmo que os pedestres possam circular pelo local. E agora mais essa de que não há policiais suficientes para levar à frente investigações. Preocupante! Bela matéria da Keissiane Seabra.

7 de setembro não é mais aquele...

Não faz tanto tempo assim que o dia 7 de Setembro era marcado por desfiles cívico-militares por esse Brasil adentro. Quase todas as escolas e colégios se preparavam para desfilar. Bandas Marciais e Fanfarras ensaiavam várias vezes por semana para chegar no grande dia e fazer bonito nas principais ruas e avenidas das cidades.  Ah, claro que os alunos também se preparavam. Recordo-me de ensaios das turmas marchando pelo pátio das escolas e até na época do antigo ginásio, então da 5ª à 8ª série. Gozado, os caras da Educação mudaram o nome, acrescentaram um tal de 9º ano do ensino fundamental, ninguém mais é reprovado, porém muitos estudantes saem daquela fase escolar mal preparados, segundo se diz por aí. Que coisa, né? Olha só eu aqui me metendo em assuntos de especialistas e profundos conhecedores de Educação, caso do secretário Tiago Peixoto, evidentemente. É isso aí. Melhor voltar às recordações dos 7 de setembro de antanho... Lá em Aloândia, quem tinha mais ou menos um ritmo bo

Marcos Lago sai da equipe do prefeito Jânio Darrot

Falei hoje no início da tarde com Marcos Lago (PR) que me disse o seguinte: "Coloquei agora a pouco o meu cargo à disposição do prefeito Jânio Darrot (PSDB)". Quer dizer, Marcos Lago não é mais o secretário municipal de Comunicação da Prefeitura de Trindade. A saída de Marcos Lago, atual presidente do Partido da República (PR) de Trindade, do secretariado municipal representa o início da esperada reforma administrativa na gestão do tucano Jânio Darrot. Como isso, em breve poderão ser a divulgados novos nome, leia-se, vem mais dispensas por aí. A dança das cadeiras começou na Prefeitura da Capital da Fé. Marcos Lago disse que continuará apoiando o prefeito Jânio Darrot e seu projeto de ser candidato a deputado estadual nas eleições do próximo ano permanece firme. Vale a pena aguardar os próximos lances e observar como ficará o novo perfil da equipe de governo comandada por Jânio.

Transitar pela Rodovia dos Romeiros exige muita atenção e paciência do motorista, pois há cones e radares na pista aqui e ali também.

Imagem
Radar estático: Sem ponto fixo n a Rodovia dos Romeiros . A Rodovia dos Romeiros (GO 060) ficou show de bola depois da, como direi, ampla reforma, ou melhor, reconstrução. Mas ainda continua aquela prática da Polícia Rodoviária Estadual, naquela barreira próxima ao Conjunto Vera Cruz, de colocar cones na pista, estreitando o espaço. E os caras fazem isso a qualquer momento do dia. Naquelas horas de maior movimento, no rush mesmo, eis que se forma uma fila enorme de carros passando devagarinho diante do posto policial, meio deslocado, vale até dizer. Afinal, aquele local é zona urbana de Goiânia, e ao fundo, fazendo limite com Trindade. Mas quem sou eu para achar alguma coisa sobre isso, né? Agora quanto à colocação daqueles cones na pista, vou te dizer uma coisa: É de entortar o cano. Ia me esquecendo também de falar da colocação do radar móvel à margem da Rodovia dos Romeiros. Dia desses levei um susto ao me deparar com o radar, no sentido Goiânia-Trindade, a poucos metros

Parceiro

Parceiro