Trindade registra “números alarmantes” da covid-19

Prefeito Marden Júnior disse que o número de casos quase triplicou na cidade




A pandemia da Covid-19 não dá trégua no Brasil, onde já provocou, segundo números oficiais de sexta-feira (26), 252.988 mortes, só em Goiás foram 8.479 óbitos, enquanto Trindade registrou 192 falecimentos. Durante pronunciamento pelas redes sociais, na noite de ontem, o prefeito Manden Júnior (Patriota), falou sobre “números alarmantes” da pandemia na “Capital da Fé”. Segundo o chefe do Executivo trindadense, entre dezembro do ano passado e fevereiro deste ano, a quantidade de pessoas infectadas pelo novo coronavírus experimentou um aumento de 267%, quase triplicando. E mais ainda, no mês de setembro de 2020, havia um total de 500 pessoas contaminadas e oito delas internadas em Unidades de Terapia Intensiva (UTI), no município. Atualmente, com 144 pessoas infectadas, em tratamento, já se tem iguais oito indivíduos internados em UTI. Isso, claro, justifica a adoção de medidas mais duras para se evitar a proliferação mais intensa do vírus, cujas novas variantes, a propósito, se mostraram mais poderosas, uma capacidade de transmissão impressionante, depositando uma carga viral muito grande em seus alvos, determinando tratamentos em UTIs. Justamente neste ponto a coisa fica mais complicada, faltas leitos em UTIs. O anunciado lockdown de sete dias, a partir de segunda-feira (1), em Goiânia e, pelo menos, em outras 19 cidades goianas, tem o objetivo de promover o distanciamento social das pessoas, evitando o ritmo de contaminação. Vejamos se haverá adesão popular à medida. Este que vos teclas essas breves linhas tem andado cético a este respeito.


Comentários

Parceiro

Parceiro